Três pilares principais de um plano de TI bem-sucedido

As equipes de TI desempenham um papel fundamental na preparação das organizações para o sucesso, executando uma estratégia de TI eficaz e lucrativa. Compartilharemos três componentes críticos de uma estratégia de TI podem estabelecer uma base sólida para o sucesso em toda a empresa e o crescimento dos negócios.

À medida que nos preparamos para um futuro que exige agilidade, as equipes de TI desempenham um papel fundamental no posicionamento das organizações para o sucesso, executando uma estratégia de TI abrangente que se alinha com o ritmo acelerado da transformação digital ao mesmo tempo, em que capacita os funcionários, aumenta a produtividade e atende às crescentes expectativas para expertise focada em dados.

Embora existam muitos elementos importantes para uma estratégia de TI eficaz e lucrativa, três componentes críticos recebem muita atenção no local de trabalho digital em rápida evolução de hoje: investir em sistemas de TI que criam valor, priorizar a mudança em direção à automação e alavancar o gerenciamento de dados eficaz para gerar lucro. Quando bem executadas, essas três principais áreas de foco posicionam as equipes de TI para estabelecer uma base sólida para o sucesso em toda a empresa e o crescimento dos negócios.

1. Invista em coisas que criam valor

No ambiente econômico desafiador de hoje, a importância do ROI não pode ser subestimada. Os orçamentos estão ficando mais apertados, as empresas estão reduzindo os investimentos em software e serviços e as oportunidades para aumentar o número de funcionários estão se tornando cada vez mais escassas. Agora, mais do que nunca, os departamentos de TI devem garantir que os investimentos organizacionais sejam preparados para criar valor tangível no curto prazo.

É importante gerenciar os investimentos o mais próximo possível para evitar a compra de soluções e ferramentas redundantes, que podem drenar recursos e prejudicar a produtividade. Adote a mesma abordagem cuidadosa para avaliar os investimentos em software, que geralmente vêm com taxas de licenciamento caras. Quando os objetivos da equipe organizacional são transparentes e alinhados, o que nem sempre é o caso, as necessidades de licenciamento percebidas refletem um número preciso e atualizado de usuários ativos. Certifique-se de que a percepção corresponda à realidade antes de investir mais.

Você deve estar se perguntando: Como medir o sucesso? Uma referência do setor é revisar crítica e possivelmente cortar um investimento em TI se a empresa não realizar três vezes seu valor original na marca de seis meses.

Como você alcança esse benchmark? É essencial identificar métricas claras de sucesso no início do caso de negócios para garantir que o investimento em TI, seja em software, soluções ou serviços, tenha um conjunto de marcas de verificação para monitorar: Quantos usuários estão adotando a nova solução? Qual é o feedback deles sobre seus benefícios para a produção diária de trabalho? Isso é fácil de usar? Tudo isso deve ser acordado e avaliado conforme as metas de negócios antes que qualquer investimento em TI seja feito.

2. Foco na Automação

À medida que as organizações se preparam para um futuro que exige gerenciamento de dados eficaz e agilidade, os processos de negócios devem ser automatizados e executados digitalmente, sempre que possível e apropriado. Os analistas prevêem que até 2025, 70% das organizações implementarão automação estruturada para oferecer flexibilidade e eficiência, um aumento de 20% em 2021. 

A automação é essencial para aumentar a produtividade, cortar custos e capacitar os trabalhadores, resultados que são especialmente importantes no local de trabalho conectado de hoje, onde os membros da equipe remota e híbrida contam com processos automatizados para colaborar de forma eficaz e segura de qualquer local. A automação também é importante para a capacidade de uma organização de executar uma metodologia eficaz de recuperação de desastres, fundamental para proteger os investimentos em tecnologia no caso de um desastre cibernético, natural ou de saúde.

As equipes de TI que incorporam uma estratégia de automação inteligente em toda a empresa em seus planos de TI preparam sua organização para o sucesso a longo prazo. Ao focar no investimento em tecnologias e processos que utilizam análise de dados, priorizando modelos de negócios que alavancam agilidade e escalabilidade e identificando oportunidades para inovação contínua, como automação de processos robóticos ou tecnologias de bot, as empresas podem cortar custos e capacitar suas equipes para realizar mais trabalho, melhorando assim a experiência do funcionário.

3. Aproveite os dados para gerar lucro

Priorizar a automação também ajuda as equipes de TI a progredir de centros de custo para geradores de lucro que impulsionam os negócios existentes e contribuem para o crescimento futuro. Embora o foco tradicional de um departamento de TI, incluindo implantação de sistema, manutenção técnica e suporte ao funcionário, ainda seja vital para o sucesso dos negócios, o ambiente digital baseado em dados de hoje oferece uma oportunidade para a TI não apenas oferecer suporte à lucratividade, mas também contribuir significativamente para isto. A oportunidade também está em reinventar o papel da TI e seu valor agregado à organização.

Uma enorme quantidade de dados úteis está sendo gerada à medida que as empresas avançam em direção a plataformas e soluções digitais, e muitas vezes não são exploradas. Um plano de TI eficaz emprega estratégias que aproveitam e gerenciam esses dados para que os líderes de negócios possam capitalizar seu enorme valor. A famosa frase “entra lixo, sai lixo”: esses vastos conjuntos de dados devem operar como uma única fonte de verdade. Depois que os dados são devidamente examinados e protegidos, seu valor pode ser multiplicado exponencialmente, oferecendo-os como dados de autoatendimento, incentivando seu uso entre uma base mais ampla de funcionários. Esses recursos devem ser construídos sobre uma arquitetura de dados flexível que permita que soluções inovadoras sejam facilmente incorporadas em toda a organização.

Uma estratégia de TI para criar novas oportunidades

À medida que as empresas continuam a reimaginar seus processos de dados, os líderes de TI podem e devem continuar a incentivar seus colegas de negócios a desenvolver e executar programas que aproveitem insights baseados em dados para gerar receita e crescimento de maneiras novas e inovadoras.

Sua estratégia de TI é um veículo importante para criar novas oportunidades consistentemente. Ao investir em sistemas e processos que criam valor, concentrando-se na mudança para a automação e aproveitando o gerenciamento de dados eficaz para gerar lucro, sua equipe de TI pode otimizar, melhorar e criar eficiências organizacionais que contribuem para o crescimento dos negócios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 2 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.