O que é recuperação de dados? Tipos, processo e software

A recuperação de dados ajuda a recuperar arquivos perdidos devido à corrupção de armazenamento, negligência do usuário ou interrupção.

A recuperação de dados é definida como o ato de (e o software usado para) recuperar o acesso a arquivos perdidos devido à corrupção de armazenamento, negligência do usuário ou interrupção inesperada reunindo os fragmentos restantes, reconstruindo o que sobrou ou usando backups.

Este artigo explica o significado da recuperação de dados, seus tipos, as etapas do processo e os principais softwares a serem considerados.

O que é recuperação de dados?

A recuperação de dados é o ato de (e o software usado para) recuperar o acesso a arquivos perdidos devido à corrupção de armazenamento, negligência do usuário ou interrupção inesperada reunindo os fragmentos restantes, reconstruindo a partir do que restou ou usando backups.

Essencialmente, é o processo de recuperação de dados perdidos, danificados, apagados inadvertidamente ou inacessíveis de outra forma para servidores, computadores, smartphones ou dispositivos de armazenamento (ou para um novo dispositivo caso o dispositivo original esteja inoperável).

Geralmente, os dados são recuperados de uma cópia de backup externa. Quanto mais atual for a versão do backup, melhor será a capacidade de recuperação dos dados em caso de perda ou corrupção.

A recuperação de dados também abrange o processo de “recuperação” de arquivos que um usuário pode ter apagado acidentalmente ao restaurar a formatação do sistema. Ele também fornece serviços especializados de recuperação de dados para unidades danificadas.

A recuperação de dados é necessária em caso de qualquer cenário de perda de dados decorrente de:

  • Calamidades naturais, incluindo incêndios, inundações, terremotos e falta de energia;
  • Erros no software aplicativo, como erros lógicos no acesso ao banco de dados;
  • Negligência dos usuários ou exclusão acidental de dados, ou pastas;
  • Deterioração ou adulteração deliberada de dados (por software e arquivos perniciosos ou infectados);
  • Software legado com patches de segurança ausentes;
  • Plugins ou aplicativos de terceiros incompatíveis.

Ao considerar as consequências da perda de dados, as técnicas de recuperação de dados e as soluções de software são essenciais para reduzir os riscos e preservar a continuidade dos negócios.

Tipos de recuperação de dados

A recuperação de dados pode ser de vários tipos:

  • Recuperação lógica de dados: A recuperação lógica de dados é executada quando o problema com a recuperação de dados não afeta o próprio disco rígido, mas o computador. Isso ocorre quando um disco continua funcionando, mas alguns dados foram perdidos.
  • Recuperação de dados físicos: Isso ocorre quando seu disco rígido está fisicamente danificado. Se afetado fisicamente, atualmente existem organizações especializadas em recuperação de dados que podem ajudar. Eles podem auxiliar na reconstrução do firmware defeituoso para que você possa ler e transferir os dados. Recuperação de disco rígido: a recuperação de dados de discos rígidos é talvez a técnica de recuperação de dados mais prevalente, mas também é a mais complicada. Os usuários devem procurar um provedor de recuperação de disco rígido e fazer backup regularmente dos dados essenciais.
  • Recuperação óptica: CDs, DVDs e outras mídias gravadas a laser são chamadas de armazenamento óptico. A utilização de soluções de recuperação de dados especializadas em armazenamento óptico apresenta a melhor possibilidade de recuperar dados perdidos de mídia óptica.
  • Recuperação instantânea de dados: neste método de recuperação de dados, quando os dados são perdidos, o usuário é imediatamente direcionado para um servidor de backup. Eles têm acesso quase imediato a um vislumbre de sua carga de trabalho, e a TI gerencia a restauração completa em segundo plano.

Processo de Recuperação de Dados

Se você testemunhou uma perda de arquivo ou pretende se preparar para uma emergência futura, aqui estão os passos a seguir:

1. Fique calmo

Primeiro, os usuários devem manter a compostura e evitar apressar ou agravar o problema. O primeiro passo é garantir que não sejam aplicadas mais modificações na mídia de armazenamento onde os dados ausentes foram armazenados. Além disso, evite armazenar dados na unidade danificada. Se o disco do sistema (inicialização), sendo onde o sistema operacional inicializa, estiver corrompido, é preferível apenas desligar o computador. Todas as preparações adicionais para o software de recuperação de dados devem ocorrer em uma máquina separada.

2. Faça sua pesquisa

O próximo passo é adquirir conhecimento adicional sobre recuperação de dados. Várias ferramentas da Internet estão disponíveis para ajudá-lo a entender como a recuperação de dados ocorre e o que antecipar em suas circunstâncias específicas. Você também pode avaliar a probabilidade de recuperação de arquivo bem-sucedida em várias situações.

3. Desative temporariamente o dispositivo afetado

Após saber sobre uma situação de perda de dados, pare de usar todos os dispositivos afetados. Em certas situações, é possível recuperar arquivos corrompidos ou perdidos do disco rígido antes que tudo seja substituído. Mas a chance de substituição é maior se os usuários continuarem trabalhando com o disco. Se a perda de dados foi causada por um evento como incêndio ou inundação, os usuários devem parar de usar o equipamento afetado até que ele seja examinado e declarado seguro.

4. Procure sintomas

Quando ocorre a perda de dados, existem vários indicadores externos de que algo está errado. Os sinais de perda de dados do disco rígido podem ser os seguintes:

  • Se o seu sistema não identificar mais o disco rígido ou se ele aparecer com um nome incomum, o disco rígido pode estar com problemas.
  • O disco rígido produz ruídos estranhos, cliques ou inicia as operações muito lentamente.
  • Em seu disco rígido, blocos defeituosos aparecem com frequência.

5. Documente o que está acontecendo

Saber exatamente o que causou a perda de dados é vital para selecionar a estratégia de recuperação mais adequada. Coletar o máximo de detalhes possível também simplificará o processo e ajudará a evitar uma situação semelhante no futuro. Você fez modificações recentes na infra-estrutura de TI? Um novo funcionário está obtendo acesso às suas informações? Que indicadores você acabou de notar? Essas informações podem ajudar você ou o profissional de recuperação de dados posteriormente.

6. Escolha seu método de recuperação de dados

Após determinar os motivos da perda de dados, é hora de começar a recuperá-los. Se você tem gerado backups regularmente, a opção mais simples é restaurar todos os dados de todos esses backups. Os usuários devem considerar a recuperação de disco como uma alternativa se não tiverem um sistema de backup. Pode-se tentar a recuperação de disco manualmente baixando um software especializado ou buscando assistência profissional.

7. Entre em contato com um especialista

Após determinar a origem da perda de dados e o método de recuperação mais eficaz, pode-se solicitar assistência de um profissional de recuperação de dados. Se você tiver um software dedicado instalado, o fornecedor do software poderá ajudá-lo. Embora você possa tentar a recuperação de dados sozinho, é melhor procurar ajuda de um especialista, especialmente se você perdeu uma quantidade significativa de dados importantes. Um esforço mal feito de recuperação pode causar danos mais significativos, culminando em despesas adicionais.

8. Abra espaço para os dados recuperados

Trabalhar com arquivos de imagem (uma representação do sistema de armazenamento e do material que ele contém) é preferível a trabalhar com discos físicos para recuperar dados. Isso protege os dados contra corrupção acidental. Esta etapa envolve a preparação de espaço de armazenamento suficiente para dados e imagens recuperados. É estritamente proibido tentar salvar os dados recuperados nos discos originais.

9. Tome medidas preventivas contra futuros incidentes

Depois de recuperar o máximo de dados possível, é essencial refletir sobre as lições aprendidas. Considere as causas da perda e implemente medidas para evitar que ela aconteça novamente.

Se houver uma falha de segurança na rede, pode-se querer a ajuda de profissionais de segurança. Se as causas ambientais comprometerem o equipamento de armazenamento, pode ser aconselhável realizar backup dos dados remotamente. Considere procurar serviços de TI gerenciados se tiver dificuldade em proteger grandes volumes de dados e formatos de arquivo complexos e diversos.

Software de Recuperação de Dados

O software de recuperação de dados é uma categoria de software aplicativo que auxilia na recuperação de dados perdidos, danificados ou indisponíveis de um dispositivo de armazenamento. Seu objetivo é examinar, digitalizar, localizar, recuperar e realizar backup dos dados de seções excluídas, danificadas ou formatadas, ou de um local definido pelo usuário no dispositivo de armazenamento.

Em 2021, o mercado de recuperação e backup de dados, incluindo software de recuperação de dados, foi estimado em US$ 10,61 bilhões globalmente. Pesquisa do mercado de backup e recuperação de dados: visão geral e previsão global (2022–2029) relatório da Maximize Market Research mostra que as receitas desse segmento aumentariam 10,3% entre 2022 e 2029, atingindo aproximadamente US$ 23,24 bilhões.

O que é um software de recuperação de dados?

Normalmente, o software de recuperação de dados tem acesso à arquitetura básica do disco. Ele pode extrair dados de dispositivos de armazenamento danificados ou arquivos/pastas destruídos examinando os registros/entradas da arquitetura do arquivo. Além de ter controle e acesso sobre tipos e estruturas de arquivos, ele pode reformatar e reparar partições do disco rígido.

Pode ser usado para restaurar dados, arquivos e diretórios produzidos pelo usuário e pelo sistema. Ele pode recuperar dados de quase todos os dispositivos de armazenamento, como discos rígidos, unidades de armazenamento flash, cartões de memória externos e unidades de fita. Normalmente, o software de recuperação de dados consegue recuperar dados de sistemas de arquivos padrão.

A maioria dos usuários de software de recuperação de dados são funcionários de suporte de TI, provedores de serviços gerenciados e usuários avançados individuais.

Por que o software de recuperação de dados é necessário?

Hoje, as organizações armazenam quase todos os seus dados críticos na nuvem. Além disso, você pode salvar automaticamente qualquer coisa em um pendrive ou disco rígido externo. No entanto, no caso de uma falha no disco rígido ou unidade danificada, você precisará de um software de recuperação de dados especializado para recuperar os arquivos e pastas perdidos. Portanto, uma estratégia sólida de recuperação de dados para a organização é altamente vantajosa.

Felizmente, as organizações têm acesso a uma variedade de ferramentas de recuperação de dados de alta qualidade. No caso de uma falha total ou parcial dos dados, essas ferramentas de software permitem que os usuários recuperem uma parte significativa dos dados, minimizando os efeitos adversos.

Mesmo se você contratar um provedor de backup de dados, você deve manter uma ferramenta de recuperação prontamente acessível caso o pior aconteça. O software de recuperação de dados ideal torna a recuperação de pastas e arquivos perdidos em qualquer desktop, smartphone ou mídia de armazenamento simples, rápida e direta.

Os 7 principais softwares de recuperação de dados

No mercado multibilionário de hoje, você tem muitas opções ao selecionar o software de recuperação de dados certo. Aqui estão os melhores, organizados em ordem alfabética:

1. AnyRecover

AnyRecover é um dos aplicativos de recuperação de dados mais eficazes para arquivos do Outlook. Ele pode recuperar arquivos PST, DBX e EMLX (suporta mais de 1.000 variantes de arquivo). Além disso, possui recursos de reparo de arquivos, recuperação de e-mail e recuperação de partições perdidas. Os usuários devem estar cientes de que a versão do software para Mac custa um pouco mais do que a versão para Windows. As assinaturas pagas fornecem recuperação de dados quase ilimitada, enquanto o plano gratuito restringe a recuperação a apenas três arquivos.

2. Recuperação de dados do Disk Drill

Mesmo que seu dispositivo esteja com defeito, inacessível ou tenha perdido uma partição, o Disk Drill Data Recovery recuperará as informações corrompidas. Ele permite que os usuários recuperem imagens, filmes, arquivos de áudio ou arquivos perdidos de dispositivos internos, ou externos, unidades flash e cartões SD. Além disso, oferece dois recursos adicionais cruciais de proteção contra perda de dados: o Recovery Vault, que apresenta outra camada à sua Lixeira, e o Guaranteed Recovery, que retém uma duplicata de qualquer arquivo transferido para uma pasta predefinida.

3. EaseUS 

O EaseUS Data Recovery Wizard é simples de usar. O assistente orienta o usuário em cada estágio do procedimento de recuperação. Se o programa for executado com rapidez suficiente, ele pode recuperar quase tudo, desde discos perdidos acidentalmente até dados atingidos por vírus. É compatível com discos rígidos internos e externos, pen drives USB, cartões de memória e várias configurações de partição.

4. Recuva

O Recuva da Piriform está entre os melhores programas gratuitos de recuperação de dados acessíveis. É extremamente fácil de usar e oferece vários recursos avançados opcionais. Ele pode recuperar dados de discos rígidos, dispositivos externos (como unidades USB), BD/DVD/CDs ou cartões de memória. Ele tornará a restauração de arquivos excluídos tão simples quanto excluí-los. O Piriform oferece versões de software instaláveis ​​e portáteis, mas nenhum aplicativo de software como serviço (SaaS).

5. R-Studio

R-Studio é projetado principalmente para especialistas já familiarizados com a recuperação de dados. Ele oferece suporte a todos os formatos de arquivo utilizados com frequência, esquemas de layout de partição e partições corrompidas ou excluídas. O R-Studio permite aos usuários iniciar vários processos de recuperação de dados simultaneamente em guias independentes. É possível organizar os arquivos recuperados por suas extensões, data de origem, data de modificação e prazo de acesso, entre outros fatores.

Você também pode examinar formatos de arquivo suportados ou inspecionar arquivos usando o editor hexadecimal integrado para verificar sua integridade ou tentar uma recuperação parcial.

6. Recuperação Estelar de Dados

Este sistema de recuperação de dados apresenta várias opções de varredura, permitindo que você personalize a varredura conforme a extensão da perda de dados. Isso economiza muito tempo se você removeu um arquivo crítico por engano e o percebe imediatamente, pois uma verificação completa do sistema é desnecessária. É um serviço flexível capaz de recuperar dados de discos rígidos internos e externos, dispositivos de armazenamento, cartões de memória e mídia óptica.

Além disso, a plataforma possui recursos de pesquisa poderosos, simplificando a localização e recuperação dos dados mais valiosos.

7. PhotoRec

Este programa pode recuperar mais de 480 formatos de arquivo em dispositivos de armazenamento, como discos rígidos, cartões de memória, CD-ROMs, unidades flash com portas USB e outros dispositivos de armazenamento. A interface de usuário somente texto do PhotoRec é adequada para profissionais de TI.

O desempenho do PhotoRec é comparável a outras soluções de software de recuperação de dados comerciais. Ele emprega um mecanismo de recuperação de dados não destrutivo, impedindo-o de gravar na mídia de armazenamento da qual o usuário está tentando se recuperar. Em casos raros, pode restaurar efetivamente dados fragmentados espalhados pelos sistemas.

Como escolher um software de recuperação de dados?

Ao decidir sobre o melhor software de recuperação de dados, deve-se considerar os seguintes parâmetros de seleção:

  • Compatibilidade: Primeiro, o software de recuperação de disco deve ser compatível com seu sistema operacional. Os usuários também devem procurar um serviço que receba atualizações regulares para acomodar diferentes variantes de sistema operacional e conjuntos de recursos. Além disso, o programa deve conseguir recuperar dados perdidos de sistemas de arquivos projetados para mídia de armazenamento interno e externo, como NTFS, FAT, FAT32, exFAT, HFS+, APFS, ext2/3/4 e muitos outros.
  • Suporte imediato: Você deve ter acesso à assistência técnica se tiver problemas ao usar o programa. Quer a comunicação seja estabelecida por telefone, e-mail ou tíquete de problema, deve haver um mecanismo para receber assistência imediata se você tiver problemas para recuperar dados perdidos. Isso pode fazer uma grande diferença ao usar o software em um cenário de emergência.
  • Credibilidade e confiabilidade: agentes mal-intencionados podem instalar malware em software de recuperação para obter acesso ao computador de um usuário durante uma situação problemática. Baixar o software diretamente do site do desenvolvedor costuma ser mais seguro e preferível do que usar os sites de distribuidores terceirizados.
  • Desempenho: As melhores soluções para recuperar dados perdidos devem conseguir recuperar com êxito todos os arquivos excluídos e entregar os resultados prometidos. Infelizmente, os desenvolvedores muitas vezes prometem demais e entregam de menos; portanto, a verificação das avaliações publicadas por usuários genuínos e revisores especializados deve ser sempre parte integrante do processo de seleção.

A probabilidade de recuperação bem-sucedida de arquivos excluídos usando software por meio de um dispositivo de armazenamento em disco está diretamente correlacionada com o uso do dispositivo desde que os dados foram perdidos.

Idealmente, os usuários devem interromper o uso de dispositivos imediatamente após descobrir a perda de dados. No entanto, isso pode não ser prático. Essas informações devem ser consideradas ao avaliar a eficácia de uma ferramenta de recuperação de dados.

Além disso, não existem programas de software disponíveis comercialmente que possam recuperar dados que foram substituídos. Diz-se que um arquivo foi sobrescrito se:

  • O arquivo que consome uma certa quantidade de espaço de armazenamento é marcado como “excluído”.
  • Seu espaço de armazenamento está listado como “disponível” para armazenar arquivos adicionais.
  • Dados novos são gravados no mesmo local do arquivo.

Portanto, é altamente recomendável que os usuários realizem backups frequentes de um computador e de todos os seus dados vitais e usem o software de recuperação de dados apenas para emergências como último recurso.

Conclusão

O software de recuperação de dados é um mercado multibilionário por um bom motivo. À medida que a geração de dados corporativos aumenta e seu valor para os negócios cresce, você precisa de uma maneira de recuperar arquivos, pastas e partições que podem ter sido excluídos por engano ou perdidos devido a eventos fora de seu controle. O software de recuperação de dados executa essa função essencial e, exceto em casos excepcionais, garante que os dados perdidos possam ser recuperados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove + quatro =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.